Doação de Sangue- A Importância dessa Ação- Junho Vermelho

Doação de Sangue: Junho Vermelho

Doação de sangue e a importância da campanha Junho Vermelho.

Fique conosco até o final e descubra tudo sobre essa campanha.

Que tem salvo diversas vidas por todo continente Brasileiro.

Descubra se você pode ou não fazer parte.

Dessa campanha de doação de sangue.

DOAÇÃO DE SANGUE- CENÁRIO

Junho vermelho é o mês da conscientização sobre a ação de doar sangue.

Um gesto, simples rápido e praticamente sem dor.

Para quem participa da ação, as mudanças são pequenas.

Mas a sensação de dever cumprido é gratificante.

Porém a grande diferença está em quem recebe o sangue doado.

Para essas pessoas, esse ato significa tudo, a salvação de uma vida.

Sabia que você salva muito mais que uma pessoa?

Isso mesmo, a cada doação de sangue, até 4 vidas podem ser salvas.

No Brasil, segundo estimativa do Ministério da Saúde.

Cerca de 3,5 milhões de brasileiros realizam transfusão de sangue por ano.

Seja por problemas de saúde, ou por acidentes graves.

Porém, o número de doadores está muito longe do ideal.

Devido a esse número de doadores insuficiente.

E a queda de temperatura nessa época do ano.

Fator que ajuda a diminuir o número de doadores.

São feitas campanhas para conscientizar as pessoas.

Da importância da doação de sangue.

Uma dessas campanhas de conscientização é a Junho Vermelho.

Doação de sangue é vida

O QUE É A CAMPANHA JUNHO VERMELHO?

A campanha Junho Vermelho é uma ação de conscientização da população.

Voltada para a importância de doar sangue, e acontece anualmente.

A cada ano, essa campanha ganha mais espaço, nos meios de comunicação.

Levando à população mais informações, e aumentando o interesse das pessoas.

O mês de Junho foi escolhido por um motivo.

No dia 14 de Junho se comemora o Dia Mundial do Doador de Sangue.

Essa data definida pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Homenageando o imunologista Karl Landsteiner.

A pessoa responsável por descobrir os tipos sanguíneos.

Outro motivo para a escolha do mês de Junho.

É o baixo número de doação de sangue nessa época.

Que devido as baixas temperaturas, chegam a cair pela metade.

Por isso, essa campanha é muito importante para todos.

Hoje estima-se que o número de doadores no Brasil chega a 1,8% da população.

Um número considerado baixo, em relação a demanda.

De acordo com estudos, o ideal seria um número de doadores de 5% da população.

Ou pelo menos um número satisfatório de 3,5%.

E nós estamos apenas próximos da metade desse número.




DOAÇÃO DE SANGUE É VIDA

Ao longo da história, a medicina evoluiu muito.

De forma a descobrir tratamentos alternativos para muitos casos.

Que são capazes de melhorar ou até mesmo substituir procedimentos.

Uma forma incrível de salvar muitas vidas, de forma mais fácil.

E até mesmo, sem a necessidade de grandes investimentos.

São vários medicamentos, exames, cirurgias e terapias inovadoras.

Porém o que a medicina ainda não conseguiu fazer.

Foi reproduzir o sangue de forma sintética.

Por isso, um paciente que perdeu muito sangue.

Precisa, necessariamente, de uma transfusão de sangue.

E ainda, de alguém que seja compatível com o seu tipo sanguíneo.

Por isso, a doação de sangue é tão importante.

Porque, pode salvar vidas, de forma simples e rápida.

Doar de sangue é vida

COMO FUNCIONA A DOAÇÃO DE SANGUE?

A doação de sangue começa pela coleta de sangue de um voluntário.

Realizada nas unidades de coleta espalhadas pelo território Brasileiro.

Porém, antes da coleta existe um triagem.

Onde é avaliada se a pessoa cumpre os requisitos para ser um doador.

Após a triagem, e tudo em ordem com a pessoa.

Ela esta apta para a doação de sangue.

Que é executada por um profissional especializado do centro de coleta.

Hoje, não precisa mais, estar em jejum e nem mesmo ter medo.

O procedimento é simples e extremamente seguro.

O doador sente apenas a picada da agulha no braço.

Como se fosse fazer um exame de sangue comum.

A quantidade coletada de sangue pode chegar a 450ml.

Para uma pessoa adulta que possui em média 5 litros de sangue.

Contando todo o procedimento, desde o cadastro até a coleta de sangue.

A doação de sangue não leva mais do que 45 minutos.

Preocupado com recuperação do sangue retirado?

Fique tranquilo, a reposição do sangue retirado é bem rápido.

O organismo leva menos de 24 horas para repor todo o sangue.

Para preservação da saúde do doador.

Existe uma quantidade máxima de doação de sangue ao ano por pessoa.

Para homens, o intervalo mínimo é de 2 meses entre as doações.

E no máximo 4 doações por ano.

Para mulheres o intervalo mínimo é de 3 meses entre as doações.

E no máximo 3 doações por ano.

QUEM PODE DAR SANGUE?

Alguns requisitos são necessários para se tornar um doador de sangue.

Eles são estabelecidos para segurança de quem doa e de quem recebe.

Cujo o objetivo, é evitar a transmissão de doenças.

Principalmente para as pessoas que recebem a doação de sangue.

Confira alguns critérios abaixo.

  • Não ter contraído doenças virais recente.
  • Não ter feito tatuagens recentes.
  • Não ter retirado o siso recente.
  • Menores de 18 anos precisam de consentimento do responsável legal.
  • Maiores de 60 anos, precisam ter doado até aos 60 anos,
  • Pesar no minimo 50Kg.
  • Ter dormido 6 horas nas últimas 24 horas.
  • Estar bem alimentado.
  • Evitar alimentos gordurosos antes da doação.
  • Esperar pelo menos 2 horas após o almoço.
  • Apresentar documento de identificação válido conforme lei.
  • Ter um intervalo de 2 a 3 meses entre as doações, conforme sexo.
  • Não ter consumido bebida alcoólica nas últimas 12 horas.

DOAÇÃO DE SANGUE CUIDADOS

Não é necessário nada extraordinário para a doação de sangue.

Siga as orientações fornecidas pelo local de coleta da sua cidade.

Se possível, ligue antes para saber os procedimentos.

Porém,no geral, evite alimentos gordurosos e bebida alcoólica.

Nas 24 horas antes de se dirigir para a doação.

Após a doação de sangue, alguns cuidados devem ser feitos.

  • Beber bastante líquido.
  • Evitar esforços físicos por 12 horas após a coleta.
  • Evitar bebidas alcoólicas nas 12 horas após a coleta.
  • Não retire o curativo por 4 horas da doação.
  • Evite dirigir.
  • Evite trabalhar em lugares altos.
  • Faça um lanche após a doação e se hidrate.

Eu já doei sangue

Gostou de saber mais sobre doação de sangue?

E de saber sobre a campanha Junho Vermelho?

Nosso objetivo foi levar até você a importância desse gesto nobre.

Capaz de transformar e salvar vidas em todo o mundo.

Você já doou ou recebeu uma doação de sangue?

Conte sua experiência nos comentários.

Curta e compartilhe em suas redes sociais.

Para que mais pessoas recebam essas informações valiosas.

Abraços

VEJA TAMBÉM: AUMENTE SUA IMUNIDADE COM ESSES ALIMENTOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *